Visconti, Bravissimo!
Maratona de Filmes 2
Um dos grandes nomes do cinema italiano de todos os tempos, Luchino Visconti terá sua obra e vida homenageadas pelo Mia Cara 2019. O evento promove uma Maratona Visconti, com exibição de cinco de suas principais obras, no Cine Passeio dia 4 de junho e Cinemateca de Curitiba, dias 5 e 6 de junho. No dia 2 de junho, haverá ainda um debate sobre o trabalho do cineasta, com participação de Mardem Machado (critico de cinema) Fernando Britto (curador da DVD versátil), Fernando Severo (cineasta) e o curador da mostra Antonio Cava. Antes do debate será exibido um documentário sobre Luchino Visconti.  
A curadoria é do produtor Antonio Cava, que em edições passadas organizou mostras para o Mia Cara de outros grandes nomes do cinema italiano, de Pasolini a Sergio Leone. "Visconti foi um dos maiores diretores do século XX", comenta Cava sobre a escolha do diretor para a mostra. "Seus filmes são belíssimos painéis da sociedade, pintados com rigor e precisão de um gênio que cuidava de todos os detalhes: atores bonitos, cenografia impecável, luz elegante, trilha sonora clássica, figurinos perfeitos".
Luchino Visconti iniciou no cinema de forma curiosa: quando foi para a França, o italiano se tornou amigo de Coco Chanel, que o apresentou a Jean Renoir. O cineasta francês o convidou para trabalhar no filme "Um Dia no Campo" e, quando os dois vão para Roma, trabalham novamente juntos na direção da ópera "Tosca". Nos anos 1940, começa a dirigir seus primeiros filmes. Nos anos 50 ganha o Leão de Prata no Festival de Cinema de Veneza (por "Noites Brancas") e, em 1960, tem seu primeiro êxito comercial: o sucesso "Rocco e Seus Irmãos". Indicações ao Oscar e ao BAFTA o consagraram internacionalmente nos anos 70, e não parou de dirigir mesmo após um ataque cardíaco o ter colocado em uma cadeira de rodas. Faleceu em 1976, deixando um legado ao cinema italiano.
MARATONA DE FILMES - Cinemateca de Curitiba
QUARTA 05 JUNHO
16h00 - A Terra Treme
"A Terra Treme" ("La Terra Trema", 1948) - Um jovem pescador, após a Segunda Guerra Mundial, se revolta contra a exploração de seus superiores no porto da Sicília e tenta montar seu próprio comércio. O elenco é formado por atores não profissionais da região, seguindo a estética neorrealista.
19h00 - O Leopardo
"O Leopardo" ("Il Gattopardo", 1963) - Baseado no romance de Giuseppe Tomasi di Lampedusa, é estrelado por Burt Lancaster, Claudia Cardinale e Alain Delon. Retrata o conturbado cenário político italiano dos anos 1870, durante a formação do Reinado da Itália.
QUINTA 06 JUNHO
16h00 - Rocco e Seus Irmãos
"Rocco e Seus Irmãos" ("Rocco i suoi fratelli", 1960) - O drama com Alain Delon e Annie Girardot acompanhas os irmãos Parondi, que têm suas vidas transformadas ao se mudarem para Milão. Rocco e o irmão Simone se apaixonam pela mesma mulher, a prostituta Nadia, gerando um conflito familiar.
19h30 - Morte em Veneza
"Morte em Veneza" ("Mort à Venise", 1971) - estrelado por Dirk Bogarde e Björn Andrésen, o filme é baseado no livro homônimo de Thomas Mann. A história acompanha o compositor Gustave Aschenbach passando férias em Veneza, quando desenvolve uma atração pelo jovem Tadzio. Em meio a este cenário, o cólera chega à Itália.
Local: Curitiba - Cinemateca de Curitiba aqui >
Sessões: 16h, 19h e 19h30
Dia: 05 e 06 de Junho
Ingresso: Entrada Gratuita - Ingressos podem ser retirados diretamente na Cinemateca de Curitiba, 1 hora antes do espetáculo.
Categoria: Cinema

Confira outras programações em Curitiba!